Pesquisar
Close this search box.

Entenda de que forma os plásticos podem impactar no setor agrícola

Conheça mais de 10 aplicações do plástico no setor agrícola e descubra quais são as vantagens que esse material oferece para o agronegócio.

Você sabia que o agronegócio é responsável por cerca de ¼ do PIB brasileiro, além de contribuir para 40% das exportações do país e gerar aproximadamente 37% dos empregos no Brasil? Esses dados do Indicador Brasil, da Expedição Safra, são a prova de que o agronegócio é um dos pilares da economia brasileira.

Mas, o que talvez você não saiba é que os materiais plásticos podem oferecer inúmeras vantagens para o setor agrícola. É verdade que antes os termoplásticos praticamente não apareciam no setor. Porém, conforme a tecnologia foi se desenvolvendo, ela também foi sendo levada para o campo.

Isso permitiu que, atualmente, os termoplásticos possam ser aplicados de inúmeras formas, contribuindo para a redução de perdas e para um aumento da produtividade. Quer saber onde o plástico pode ser usado no setor agrícola? Vamos te contar na sequência.

O plástico e o setor agrícola

De acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast), o consumo global de plásticos destinados ao setor agrícola passa dos 6,5 milhões de toneladas. Em contrapartida, no Brasil, essa utilização ainda é pequena. Somente cerca de 2,8% do consumo total de plásticos no país é destinado a esse segmento.

Porém, esse número tende a aumentar. Afinal, esse é um mercado com grande potencial de crescimento. Sem falar que o plástico oferece inúmeras vantagens, que podem ser decisivas para o desenvolvimento do setor agrícola.

Principais vantagens da utilização do plástico

Boa parte das vantagens que o plástico oferece ao setor agrícola estão relacionadas às suas propriedades mecânicas. Nesse sentido, podemos destacar a resistência a impactos e o baixo peso. Outra característica muito importante desse tipo de material é a sua versatilidade, já que permite um grande leque de aplicações.

Além disso, não podemos deixar de citar sua excelente durabilidade, a boa rigidez, a fácil usinagem e moldagem e a possibilidade de ser reciclado. Todas essas características, quando usadas em pról do setor agrícola oferecem vantagens, como:

  • Menor custo para manter as necessidades básicas do campo, como irrigação e cultivo;
  • Redução de perdas;
  • Maior facilidade no manejo do solo;
  • Melhora no controle de pragas;
  • Otimização do uso da água.

Quais são as aplicações do plástico no segmento?

Irrigação

Como você deve saber, a irrigação correta do solo é fundamental para o crescimento e desenvolvimento total das culturas. Inclusive, o setor é responsável por 72% do consumo de água no país, de acordo com dados da Agência Nacional das Águas (ANA). Nesse sentido, o plástico tem contribuído consideravelmente para a otimização desse recurso natural.

As peças termoplásticas são utilizadas desde os equipamentos para armazenamento da água, até à sua distribuição. Alguns exemplos disso são os sistemas de irrigação, normalmente fabricados em polietileno. Esses sistemas fazem a irrigação por meio do gotejamento, garantindo maior controle do uso da água.

Além disso, o plástico também é utilizado na produção de tubos artesianos. Sem falar que os reservatórios e cisternas também são feitos em materiais plásticos. Com isso, o plástico ajuda a deixar o setor agrícola menos dependente das mudanças climáticas e das estações de chuva.

Cultivo

Na fase de cultivo das culturas, o uso do plástico é ainda mais versátil. Ele aparece, por exemplo, na estrutura e cobertura das estufas. Esse espaço é utilizado pelos produtores para a preparação das mudas. Nesse caso, cria-se o ambiente ideal para o desenvolvimento das plantas. Ou seja, ele funciona como uma espécie de berçário.

O material também é utilizado na técnica Mulching, que usa filme plástico para cobrir e proteger o solo. Esse método cria uma barreira que impede a evoração da água, mantendo o solo úmido. Além disso, ele também evita o crescimento de ervas daninhas.

Também precisamos destacar as telas que protegem as plantações contra granizo, por exemplo. Elas geralmente são feitas em polipropileno e rafia, e são bastante comuns no campo.

Mas isso não é tudo! Uma das mais importantes aplicações do plástico é para fabricação de peças para máquinas agrícolas, como tratores e colheitadeiras, por exemplo. Esse é o caso do Lamipro. Suas chapas de polipropileno com alta resistência química são ideais para o uso no setor, já que tem as seguintes características:

  • Alta resistência química;
  • Baixa absorção de umidade;
  • Baixo peso específico;
  • Ótima resistência a impactos;
  • Excelente isolamento elétrico.

Armazenamento

Na etapa de armazenamento dos produtos do setor agrícola, o plástico aparece principalmente para substituir materiais nas edificações, como a madeira e o ferro. Esse é o caso das lonas para silos, locais usados para armazenar e secar os produtos agrícolas.

Além disso, também podemos destacar o silo bolsa. Ele é uma espécie de túnel plástico, que cria um ambiente sem oxigênico. De fácil instalação e com excelente custo-benefício, seu principal objetivo é aumentar a conservação dos produtos.

Transporte

Por fim, não poderíamos deixar de citar o uso do plástico no transporte dos produtos do setor agrícola. Como você pode imaginar, esse material é muito comum durante o processo de ensacamento. Afinal, a utilização de embalagens, como sacos de polipropileno e contentores flexíveis, é muito comum.

Mas, além disso, o plástico também é fundamental durante o transporte em si. Nesse caso, o polipropileno é muito utilizado, especialmente devido à sua leveza e resistência, quando comparado com outras matérias-primas. Por essa razão, ele pode ser utilizado para revestir caminhões e caçambas.

Esse é o caso do Lamitruck. Essas chapas laminadas de PEAD, da Lamiex, foram desenvolvidas especialmente para evitar o tombamento e agilizar a descarga dos caminhões. Sendo assim, ele contribui para tornar o transporte de terrra, grãos e calcário mais eficiente, rápido e seguro. Sem falar que ele ainda diminui a necessidade de manutenções.

Essas são algumas das principais utilizações do plástico no setor agrícola. E se você quer saber mais sobre o mercado de termolábeis, clique aqui e acompanhe o blog da Lamiex.

Compartilhe esse post!
Leia mais

22/05/2024

O Plástico não é o vilão: Polietileno na Mineração - Transformando o Setor com Sustentabilidade

A mineração é um setor crucial para a economia global, enfrentando, no entanto, crescentes críticas relacionadas ao seu impacto ambiental. As operações intensivas em recursos e as emissões de carbono da mineração destacam a necessidade de práticas mais sustentáveis.

21/05/2024

A Jornada da Lamiex: Rumo ao Selo "ESG em Foco"

Em 2023, a Lamiex empreendeu uma jornada significativa sob a mentoria ESG do SESI Paraná, um programa projetado para infundir práticas sustentáveis dentro das indústrias do estado.

02/05/2024

Maximizando Eficiência e Durabilidade: A Revolução do Lamitherm no Revestimento de Isolamento Térmico em Grandes Indústrias.

Você sabe da importância de um bom revestimento para o isolamento térmico em tubulações industriais? Conheça um pouco mais nesse blogpost.

22/04/2024

Como são fabricadas as chapas de PP e PEAD

Você já se perguntou como são fabricadas as versáteis e duráveis chapas de Polipropileno (PP) e Polietileno de Alta Densidade (PEAD)?

21/04/2024

Substituição de Chapas de PVC por PP e PEAD

Descubra como a substituição de chapas de PVC por chapas de PP ou PEAD pode beneficiar sua empresa, melhorando sustentabilidade e performance em diversas aplicações.

21/03/2024

Substituir Chapas de Alumínio por PP ou PEAD

Explore como substituir chapas de alumínio por PP ou PEAD pode beneficiar sua empresa, oferecendo soluções sustentáveis, duráveis e versáteis em diversas aplicações.

Copyright 2023 @ Lamiex. Todos os direitos reservados.

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.